BIGBIKER CUP 2018 - ALTIMETRIA DE ROTEIROS

 

# 1 Etapa - ITANHANDU / MG

 

 

 

Gráfico 01 - Categoria Pró

Altitude Máxima = 1263 m

Altitude Mínima = 875 m

Total de subidas = 1700 m

 

 

Gráfico 02 - Categoria Sport

Altitude Máxima = 1263 m

Altitude Mínima = 875 m

Total de subidas = 1150 m

 

 

Gráfico 03 - Categoria Specialized Diverge

Altitude Máxima = 1263 m

Altitude Mínima = 875 m

Total de subidas = 1050 m

 

 

Considerações dos roteiros de prova

 

O caminho, quando seco, apresenta quase que na totalidade um solo bem compacto e com pouca quantidade de pedras. Já com chuva, é lama certa em praticamente todo o trajeto.  

Com largada e chegada na praça principal de Itanhandu, as três categorias seguem juntas passando pela Serra do Condado até o quilômetro 21. A categoria Specialized Diverge segue direto por asfalto até alcançar a área de apoio.

A categoria Pró a partir deste ponto segue alternando entre subidas e descidas moderadas até encontrar novamente com a categoria Sport  ( quilômetro 59 para a Pró, 31 para a Sport e 26 para a Specialized Diverge  ). Em seguida, por uma estrada abandonada, a prova alcança a área de apoio.

Pelo Bairro do Porto, a competição segue sentido Serra do Palmital até alcançar a maior altitude da etapa com 1263 metros. Este trecho deverá definir os líderes da etapa e o que mais vai exigir dos competidores durante toda a prova, não só pelo aclive, mas também pela distância acumulada.

A seguir, passado o "sufoco" da Serra do Palmital, um downhill até o quilômetro 80 serve de refresco para as pernas e coração, abrindo um belo visual da cadeia de montanhas das Terras Altas da Mantiqueira até onde a vista alcança.

Do quilômetro 80 até o fim da prova, prevalece trechos planos com subidas curtas.